POESIA NÃO É ARTIGO PARA SE VENDER POR QUILO!!!

“Na boa, meus caros amigos, nada contra a criatividade nordestina, faz parte da sobrevivência, encontrar meios para tal destino, até porque também sou nordestino, todavia, fazer poesia para vender para gente tola, que acredita que rima infantil, como batatinha quando nasce, seja de fato poesia, eu não publico nem elogio, nem dou ibope a este tipo de propaganda imbecil.

Poesia com Rapadura, me desculpem, senhores poetas, não sei como se faz este tipo de cultura de massa inútil, prefiro ser lido por meia dúzia de mentes inteligentes, ou ser condenado à extemporaneidade.

Evan do Carmo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s